The Black Keys, Frank Ocean e fun. estão entre os principais indicados ao Grammy 2013

Artistas masculinos dominaram as indicações da 55ª edição dos prêmios Grammy, anunciados na noite de quarta-feira (4) pela Academia da Gravação dos Estados Unidos. O evento, que aconteceu em Nashville, no Tennessee, foi apresentado por LL Cool J e Taylor Swift, e contou com apresentações de grupos como Maroon 5, fun., Ne-Yo e The Who.

Os destaques ficaram com fun., Frank Ocean, Mumford & Sons, Jay-Z, Kanye West e Dan Auerbach, da banda The Black Keys, que concorrem em seis categorias cada um. Kelly Clarkson foi uma das poucas artistas femininas a conseguir várias indicações (três), incluindo Gravação do Ano e Melhor Álbum Vocal Pop.

Para música do ano foram indicados “Lonely Boy” (The Black Keys), “Stronger (What Doesn’t Kill You)” (Kelly Clarkson), “Thinkin About You” (Frank Ocean), “We Are Never Ever Getting Back Together” (Taylor Swift), “We Are Young” (Fun e Janelle Monae) e “Somebody That I Used to Know” (Gotye com Kimbra).

Os indicados para a categoria Gravação do Ano foram “El Camino” (The Black Keys), “Some Nights” (Fun), “Babel” (Mumford & Sons), “Channel Orange” (Frank Ocean) e “Blunderbuss” (Jack White). Na categoria Artista Revelação estão Alabama Shakes, fun., Hunter Hayes, The Lumineers e Frank Ocean.

A entrega dos prêmios Grammy acontecerá no dia 10 de fevereiro de 2013 no Staples Center, em Los Angeles, com transmissão pela TV. A banda The Who receberá um troféu especial pelo conjunto da obra. Ao todo, serão entregues 81 prêmios. Os concorrentes são artistas com trabalhos lançados entre 1º de outubro de 2011 e 30 de setembro de 2012.

A artista britânica Adele foi a grande vencedora da edição 2012, após conquistar seis prêmios em cerimônia marcada pela morte de Whitney Houston.

* Com informações da EFE e da Reuters

Fonte: UOL

Catarse Musical pergunta: pra quem você está torcendo?

Especial “Ivete, Gil e Caetano” é indicado em três categorias principais do Grammy Latino 2012

Divulgada nesta terça-feira (25), a lista de indicados ao Grammy Latino 2012 conta com 18 trabalhos brasileiros concorrendo nas categorias gerais.

O especial “Ivete, Gil e Caetano” concorre a três estatuetas da premiação principal. São elas: gravação do ano, por “Atrás da Porta”, álbum do ano, e melhor vídeo musical versão longa.

Outros indicados brasileiros nas categorias mais importantes são o disco “Chico”, de Chico Buarque (álbum do ano), a música “Extranjero”, de Maria Gadú (canção do ano), e Gaby Amarantos (revelação de 2012).

A cerimônia do Grammy Latino 2012 acontecerá em Las Vegas e terá como homenageados os cantores brasileiros Toquinho e Milton Nascimento. Eles receberão o prêmio de excelência musical da Academia Latina de Gravação. Caetano Veloso será condecorado como a “Personalidade do Ano”.

“O excepcional grupo de homenageados este ano não apenas representa nossas diversas comunidades musicais, mas também é um exemplo do que significa ser um verdadeiro pioneiro da arte”, disse Gabriel Abaroa, presidente da organização.

A cerimônia de premiação do Grammy Latino ocorrerá no hotel Mandalay, em Las Vegas, no dia 15 de novembro, a partir das 19h locais (23h Brasília).

O Grammy Latino 2012 conta ainda com sete categorias brasileiras.

Veja todos os indicados:

Gravação do ano
“Atrás Da Porta”, de Ivete Sangalo, Gilberto Gil e Caetano Veloso

Canção do ano
“Extranjero”, de Maria Gadú

Álbum do ano
“Especial Ivete, Gil e Caetano”, de Ivete Sangalo, Caetano Veloso e Gilberto Gil
“Chico”, de Chico Buarque

Revelação
Gaby Amarantos

Melhor Canção Alternativa
“Neguinho”, de Gal Costa (composta por Caetano Veloso)

Melhor álbum de cantor/compositor
“Chico”, de Chico Buarque

Melhor álbum de jazz latino
“Tempo”, de Tania Maria

Melhor álbum instrumental
“Brasilianos 3”, de Hamilton de Holanda Quinteto
“Rasgando Seda”, de Guinga + Quinteto Villa-Lobos

Melhor álbum de música clássica
“Prelúdio 21 – Quartetos de Cordas”, de Quarteto Radamés Gnattali

Melhor obra/composição clássica contemporânea
“Quarteto Circular”, de Tim Rescala

Melhor projeto gráfico de um álbum
Bixiga 70, criada pelo artista MZK

Melhor álbum de engenharia de gravação
“O Canto da Sereia”, de Regina Benedetti
Alexandre Gaiotto (engenheiro/masterização)

“Liebe Paradiso”, de Celso Fonseca e Ronaldo Bastos
Julio Boscher, Walter Costa, Duda Mello, Leonel Pereda & Carlos Toré (engenheiros); Ricardo Garcia (masterização)

“Chão”, de Lenine
Bruno Giorgi (engenheiro); Carlos Freitas (masterização)

“Brasilianos 3”, de Hamilton de Holanda Quinteto
Madre Música (engenharia); André Dias (masterização)

Produtor do ano
Moogie Canazio, por “Umbigobunker!?”, de Jay Vaquer

Melhor vídeo musical versão longa
“Especial Ivete, Gil e Caetano”
Caetano Veloso, Gilberto Gil & Ivete Sangalo, Rafael Dragaud & Roberto Talma (direção); Rafael Dragaud & Roberto Talma (produção)

Melhor álbum de música cristã (língua portuguesa)
“Diante do Trono 14”, Sol Da Justiça
“Ministério de Louvor”, Diante Do Trono
“Inquieto Coração”, Grupo Chamas
“Mulheres Ao Vivo”, Cantores de Deus
“Eletro Acústico 3”, Paulo César Baruk e Banda Salluz
“Aline Barros & Cia 3”, Aline Barros

Categorias brasileiras

Melhor álbum pop contemporâneo
“Não Tente Compreender”, Mart’nália
“Reza”, Rita Lee
“Músicas Para Churrasco Vol. 1”, Seu Jorge
“Pelo Sabor do Gesto Em Cena”, Zélia Duncan
“Caravana Sereia Bloom”, Céu

Melhor álbum de rock
“Elektra”, RPM
“Multishow Ao Vivo NxZero 10 Anos”, NxZero
“Celebração & Sacrifício”, Beto Lee
“Ao Vivo No Rock In Rio”, Ira! e Ultraje A Rigor
“Depois de um Longo Inverno”, CPM 22

Melhor álbum de samba/pagode
“Ousadia & Alegria”, Thiaguinho
“15 Anos Ao Vivo”, Sorriso Maroto
“Só Danço Samba Ao Vivo”, Emílio Santiago
“Nosso Samba Tá Na Rua”, Beth Carvalho
“Duas Faces Ao Vivo Na Mangueira”, Alcione

Melhor álbum de MPB
“Especial Ivete, Gil e Caetano”, Caetano Veloso, Gilberto Gil e Ivete Sangalo
“Elo”, Maria Rita
“Raiz”, Leila Pinheiro
“O Que Você Quer Saber de Verdade”, Marisa Monte
“Amorágio”, Ivan Lins
“João Bosco 40 Anos Depois”, João Bosco
“Oásis de Bethânia”, Maria Bethânia

Melhor canção
“Querido Diário”, Chico Buarque (Chico Buarque)
“Amor É pra Quem Ama”, Lenine (Lenine e Ivan Santos)
“Ainda Bem”, Marisa Monte (Arnaldo Antunes e Marisa Monte)
“Ai Se Eu Te Pego”, Michel Teló (Antonio Dyggs e Sharon Axé Moi)
“A Doida”, Seu Jorge (Pretinho da Serrinha, Leandro Fab e Seu Jorge)

Melhor álbum de sertanejo
“Amor de Alma”, Victor & Leo
“Na Balada”, Michel Teló
“Quando Chega a Noite”, Luan Santana
“Meus Encantos”, Paula Fernandes
“Acústico Na Ópera de Arame”, Fernando & Sorocaba
“Pra Ser Feliz”, Daniel
“Chitãozinho & Xororó – 40 Anos – Sinfônico”, Chitãozinho & Xororó

Melhor álbum de raiz
“Canibália – Ritmos Do Brasil (Ao Vivo)”, Daniela Mercury
“Jammil Na Real”, Jammil
“Iluminado”, Dominguinhos
“Forró Chorado”, Oswaldinho do Acordeon
“Treme”, Gaby Amarantos

Fonte: UOL

Tom Jobim receberá prêmio por carreira no Grammy 2012

O músico brasileiro Tom Jobim e mais seis importantes nomes da música, entre eles Diana Ross e Gil Scott-Heron, serão homenageados na cerimônia do Grammy 2012, recebendo um prêmio por suas carreiras. Será a primeira vez que um artista brasileiro vai receber a homenagem. A 54ª edição do evento acontece no dia 12 de fevereiro de 2012, nos Estados Unidos.

Além de Jobim, Ross e Scott-Heron, o grupo de rock sulista Allman Brothers Band, a banda The Memphis Horns – ala de instrumentos de sopro que tocava nos discos da gravadora Stax – e os músicos de country Glen Campbell e George Jones também serão homenageados.

A Academia da Gravação costuma homenagear a cada edição um grupo de artistas por sua contribuição ao mundo da música. Entre os nomes que já receberam o prêmio estão Frank Sinatra, Duke Ellington, Rolling Stones, Paul McCartney, John Coltrane, David Bowie e Johnny Cash. Na edição de 2011, Julie Andrews, Dolly Parton e a banda Ramones estiveram entre os homenageados.

Fonte: G1

Calle 13 lidera indicações para o Grammy Latino

A dupla porto-riquenha Calle 13 recebeu o maior número de indicações para 12ª edição do Grammy Latino. Rene Perez e Eduardo Cabra foram nomeados em 10 categorias, incluindo Gravação do ano, Canção do Ano e Melhor Álbum – disputa que ainda reúne Shakira, Enrique Iglesias, Alex, Jorge y Lena e Franco De Vita. Ricky Martin, Shakira e a banda mexicana Maná também se destacaram na lista e somam três indicações cada.

Entre os brasileiros, a principal atração é a cantora sertaneja Paula Fernandes, que concorre ao prêmio de Melhor Revelação ao lado de Pablo Alborán (Espanha), Max Capote (Uruguai/Argentina), Il Volvo (Itália) e Sie7e (Porto Rico).

Carlinhos Brown foi indicado na categoria ‘Cantautor’ pelo álbum Diminuto. Já a banda mineira Pato Fu concorre em Melhor Álbum Infantil, por Música de Brinquedo.

O Grammy Latino reserva uma categoria só para a música brasileira, divididos nos prêmios Melhor Álbum de Pop, Rock, Samba/Pagode, MPB, Sertanejo e Música Regional, além do prêmio para Melhor Canção. Nesta lista específica, se destacam Ivete Sangalo e Caetano Veloso, com duas indicações cada.

A cerimônia de entrega da 12ª edição do Grammy Latino irá ocorrer em 10 de novembro, em Las Vegas.

Fonte: Território Eldorado

Grammy de 2012 será entregue em 12 de fevereiro

LOS ANGELES (Reuters) – A 54a edição da cerimônia dos prêmios Grammy será realizada em Los Angeles em 12 de fevereiro, e as indicações serão anunciadas em 30 de novembro, disseram os organizadores nesta terça-feira. As datas estão em linha com os eventos dos anos anteriores.

Como de costume, a cerimônia será realizada no Staples Center, e os indicados serão revelados durante um especial de uma hora na televisão pelo quarto ano seguido.

Os dois acontecimentos serão transmitidos para os Estados Unidos na rede CBS sob um novo contrato de 10 anos, que também inclui uma sessão de duas horas com uma série de especiais sobre o Grammy.

A entrega dos prêmios do próximo ano será reduzida. O Recording Academy disse em abril que cortaria o número de categorias de 109 para 78.

Mas os telespectadores não perceberão nada, pois apenas cerca dos 10 vencedores mais conhecidos são anunciados durante a cerimônia principal. O restante dos prêmios é anunciado antes do grande evento.

(Reportagem de Dean Goodman)

Fonte: Reuters

Lady Antebellum e Lady Gaga: destaques no Lady Grammy!

Ontem, 13/2, foi realizada a 53ª edição do Grammy, exibida no Brasil pela TNT.

Os grandes vencedores da noite

A banda country Lady Antebellum foi a grande vencedora da noite, levando cinco dos seis prêmios aos quais estava concorrendo, incluindo um dos maiores prêmios da noite: Música do Ano, pela música “Need You Now”.

O principal prêmio da noite, Álbum do Ano, foi para a banda Arcade Fire, que se apresentou no final da cerimônia, deixando pra trás Eminem, Lady Gaga, Katy Perry e Lady Antebellum. Aliás, Eminem (recém liberado da clínica de reabilitação e com um olhar assustador) foi a decepção do Grammy:  com 10 indicações, venceu em apenas duas categorias: Melhor Performance Solo de Rap, por “Not Afraid”, e Melhor Álbum de Rap, por “Recovery”. Mas, vamos combinar que ele já está no lucro só pelo fato de continuar fazendo sucesso e  ser premiado!! Eu não ligaria de ganhar “só” dois Grammys e ainda ser convidada para cantar na premiação!

Frio na barriga na hora do Grammy para a Revelação do Ano. Se a Academia preimasse o Justin Bieber, ele se candidataria à presidência dos EUA (com 16 anos e muitos prêmios teen, ele já escreveu sua biografia com a história de como caiu seu primeiro dente e quando parou de fazer xixi na cama). Mas, a Academia me ouviu e deu o prêmio à jazzista incrível Esperanza Spalding (caso não conheça, clique aqui e aproveite!). Não tiro o mérito do Bieber e a equipe que está por trás desse fenômeno, mas, caso ele continue fazendo sucesso e mostre não ser algo passageiro, a Academia pode pensar em dar um prêmio ano que vem ou em alguns anos!

Voltando às apresentações…

Homenagem à Aretha Franklin

O primeiro show da premiação foi uma homenagem à Aretha Franklin, reunindo Christina Aguilera, Jennifer Hudson, Yolanda Adams, Martina McBride e Florence Welch. Simplesmente lindo! Pena que Christina, recentemente criticada por “imitar a Vanusa” (leia-se: errar o hino de seu país), caiu no palco. Portanto, provavelmente ninguém vai lembrar da beleza das vozes, mas do tombo!! Of course! Ao final da apresentação queda, foi exibido um vídeo com Aretha, se recuperando de uma cirurgia, agradecendo pela homenagem.

Katy Gaga

A belíssima boneca Katy Perry soltou a voz lindamente, começando com o show com uma baladinha e emendando com “Teenage Dream”. A platéia curtiu (inclusive a fofa Nicole Kidman, focalizada cantando a música da Katy animadamente. Ela é uma das poucas celebridades que de fato demonstra algum interesse pelas apresentações nas premiações como Grammy e Oscar, batendo palmas, cantando junto e mostrando seu sorriso chique). Só é duvidoso a Kate chegar à cerimônia usando asinhas. Lady Gaga Feelings.

Rihanna (com seu cabelo excessivamente vermelho e coreografia vulgar, no estilo periguete) e Drake cantaram “What’s my name”. Numa vibe menos periguete, ela cantou “Love the way you lie” com Eminem na cerimônia. Lady Gaga chegou ao Grammy dentro de um ovo e saiu da casca para a primeira apresentação de sua nova música, “Born This Way”, acompanhada de seus monstrinhos bailarinos frenéticos.

Ovo Gaga antes de ser chocado

A esperada apresentação de Mumford & Sons, Avett Brothers e Bob Dylan decepcionou com a voz fraquinha do Dylan cantando “Maggie’s Farm”. Em seguida, a banda mais premiada da noite, Lady Antebellum, se apresentou.

Barbra Streisand arrasou com “Love is The Answer”, linda, emocionada e emocionante, aplaudida de pé! Mas a Gwyneth Paltrow que me impressionou, muito desenvolta. Cantou “Fuck you” com Cee-Lo Green (figurino da escola Lady Gaga de moda) e uns bonequinhos tipo Muppets, dançou em cima do piano e estava visivelmente com medo de cair de lá de cima, mas foi ótima (certamente os conservadores quiseram ir embora naquele momento, com uma música cheia de insultos e a atriz fazendo “a louca”).

Mick Jagger no 53º Grammy

Incrível a apresentação de Mick Jagger! Sua versão de “Everybody needs somebody to love” foi cheia de energia, em homenagem a a Solomon Burke, grande nome do soul, morto em 2010.

Abaixo,  a lista com os vencedores das principais categorias da 53ª edição do Grammy:

Álbum do Ano – “The Suburbs” – Arcade Fire

Gravação do Ano – “Need You Now” – Lady Antebellum

Canção do Ano – Need You Now – Lady Antebellum

Artista Revelação – Esperanza Spalding

Melhor Perfomance Vocal Feminina de Pop – “Bad Romance”, Lady Gaga

Melhor Performance Vocal Masculina de Pop – “Just The Way You Are”, Bruno Mars

Melhor Canção de R&B – “Shine”, John Legend & The Roots

Melhor Álbum de R&B – “Wake Up!”, John Legend & The Roots

Melhor Performance Solo de Rap – “Not Afraid”, Eminem

Melhor Canção de Rap – “Empire State Of Mind”, Jay-Z e Alicia Keys

Melhor Álbum de Rap – “Recovery”, Eminem

Melhor Álbum de Pop Latino – “Paraiso Express”, Alejandro Sanz

Melhor Álbum de Show – “American Idiot (Featuring Green Day)”, Green Day

Melhor Trilha Sonora – “Toy Story 3”, Randy Newman

Melhor Videoclipe – “Bad Romance”, Lady Gaga

Mais montado que Lady Gaga, o músico Cee-Lo Green se juntou à vencedora Gwyneth Paltrow e uma trupe de marionetes para cantar a versão censurada de seu hit “Fuck you” – que, para audiências mais conservadoras, se torna “Forget you”. Vestida em um terninho preto de decote generoso e usando espalhafatosos brincos de penas cor de rosa, Gwyneth trocou insultos de brincadeira com o gnarls barkley, dançou sobre o piano e viveu seu dia de popstar.

Blog Stats

  • 167.073 hits